Furacão Irma

Cuba começa a sentir os primeiros efeitos

08 | 09 | 2017   03.47H

A província de Guantánamo, no extremo oriental de Cuba, começou a sentir, na noite de quinta-feira, os primeiros sinais da chegada do furacão Irma com chuvas intensas e fortes rajadas de vento.

Guantánamo é uma das sete províncias cubanas que se encontram em alerta pela passagem do furacão, de categoria 5, a mais elevada, que vai passar muito perto da costa norte da ilha.

Tal como era esperado, Punta de Maisí, o enclave mais oriental de Cuba, foi o primeiro a sentir a chegada do potente ciclone, que se encontra a cerca de 400 quilómetros desse ponto, disse aos meios de comunicação locais a diretora do Centro de Prognósticos do Instituto de Meteorologia, Miriam Teresita Llanes.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE