PUBLICIDADE
Mobilidade

Motores diesel têm os dias contados

12 | 09 | 2017   22.58H
É cada vez mais evidente que os motores diesel são uma espécie em vias de extinção e tudo se vai agravar com a legislação e proibição de acesso a centros urbanos.
Destak | destak@destak.pt

Pode parecer heresia fazer uma afirmação deste tipo num país como Portugal, onde os automobilistas são “diesel-dependentes”, mas os indicadores são mais do que evidentes. Esta situação mediatizou-se com projetos de limitação à circulação deste tipo de veículos em várias cidades europeias. Ninguém duvida que os diesel oferecem o melhor compromisso custo/rendimento, mas também é verdade que este tipo de tecnologia pode ter chegado ao limite em termos do controlo da emissão de poluentes.

As emissões de óxido de azoto (NOx) são superiores às dos motores a gasolina e se, graças a tecnologias dispendiosas ainda é possível realizar motores capazes de respeitar as normas Euro 6 (europeias) que entraram em vigor em 2014, tudo se vai complicar com o Euro 6c, onde a “letrinha” quase escondida refere a revisão normativa que será implementada no ultimo trimestre, penalizando particularmente as emissões de óxido de azoto.

A redução das emissões de NOx tem sido evidente. Passaram de 500 miligramas em 2002 (Euro 3) para os 80 miligramas (Euro 6), mas até agora eram calculadas com a simulação de uma utilização quotidiana, realizada no banco de ensaio. Agora, o Euro 6c introduz o conceito “Real Driving Emissions” (RDE) com uma majoração das emissões em estrada, em condições que nada têm a ver com os laboratórios.

Por isso, muito boa gente vai ter dificuldades para respeitar a nova exigência. A única forma de o conseguir passa por investir bom dinheiro, que será repercutido diretamente no cliente final, o que equivale a dizer que os automóveis diesel serão ainda mais caros do que os a gasolina, deixando de ser atrativos.

Ainda há um período de tolerância até 2019, mas a maioria dos construtores começam a pensar que talvez seja inútil investir na renovação dos motores diesel atuais, com tecnologias muito caras, sendo mais ajuizado investir em tecnologias como a eletricidade ou opções híbridas, mas com base em motores de combustão interna a gasolina.

São sinais evidentes de que estamos a mudar de paradigma, pelo que não temos dúvidas em afirmar, sem grande risco, que a médio prazo os motores diesel têm os dias contados...

Foto: DR
Motores diesel têm os dias contados | © DR

15 comentários

  • Os lucros estão em primeiro lugar. Só que os lucros não são tudo. O que de melhor foi construído são os carros a gasóleo. O barbudo só diz mal menos do lítio.
    H´cá cada aborto | 07.04.2020 | 04.36Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Os denunciantes até parecem que são aqueles coitadinhos que nunca foram capazes de tirar a carta. Também poderão ser os que não usam carro e que andam de transportes públicos, de bicicleta. ou nas trotinetes.
    A vontade da denúncia | 05.04.2020 | 13.50Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • ESTÁ PROVADO QUE A GASOLINA POLUI MUITO MAIS DO QUE O GASÓLEO. O MINISTRO MUITO CONHECIDO A FAVOR DA EXPLORAÇÃO DO LÍTIO É QUE BADALOU A IDEIA DE SE ACABAR COM OS DIESEL . PODERÁ SAIR ALGUMA COISA DAQUELA CABEÇA? HÁ JORNALISTAS QUE DIVULGAM NOTÍCIAS DESTAS RIDÍCULAS QUE APENAS SERVEM PARA PÔR NO LIXO. SOMOS TODOS MULTIMILIONÁRIOS PARA TUDO SE MUDAR DE UM DIA PARA O OUTRO. ONDE ESTÁ A ÁRVORE DAS PATACAS ? COM A CRISE QUE NOS CAIU EM CIMA QUE NEM É BOM PENSAR , VAMOS ANDAR NO GASÓLEO E BEM DURANTE MUITOS ANOS. ELE QUE SE PREOCUPE COM AS 10 EMPRESAS QUE MAIS POLUEM EM PORTUGAL, CENTRAL DE ALMARAZ, RIO TEJO ETC ETC. ESTA NOTÍCIA NÃO DÁ PARA ACREDITAR.
    CARROS A GASÓLEO OS MELHORES | 05.04.2020 | 13.36Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Os governos deveriam vir a publico exprimir as politicas futuras em relaçao a este assunto.Um carro em Portugal é um invetimento necessario e caro.cada vez menos utilizado em meios urbanos nas metropilitanas com transportes publicos efecazes e usado pelos que vivem no interior ou zonas periféricas,Considerndo que a substituiçao das baterias sao superiores ao valor do carro quando necessario,ao tempo de carregamento e autonomia ainda é um investimento arriscado.Imaginem uma viagem nos EUA desde S. Franciscoa a Los Angeles percorendo a estrada 66 e passando por Las Vegas e o que seria a utilizaçao dum carro eletrico .Os veiculos nos EUA possuem cavalos acima dos 200 -400 por norma o que em Potugal é inviável.paises grandes carros grandes ,potentes e rápidos.Paises pequenos carros micro e carros. pouco potentes.O facto se serem a gazolina ou diesel depende exclusivamente do preço do combustivel.Ponham a gazolina mais barata que o diesel e haverá inversao total.Os carroa a gás que tb sao menos poluentes nunca foram acarinhados ,porquê?Querm mudanças atuem em conformiadade só q quem realmente manda sao as grndes empresas internacionais e nao os politicos nestes casos e noutros.
    Diabo | 14.01.2020 | 18.12Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • É melheor em discutir o tema com , racionalidade e realismo.O diesel e a gasolina serao a nivel mundial usados eternamente.Poderá haver ajustes em sociedades ricas e com capacitaçao para sibstituir frotas.Cada carro que se importa constitui saida de divisas e torna o País mais vulneravel e pobre.Enquanto os grandes consumidores de carros como EUA Canadá,australia,mexico etc nao alinharem no eletrico ou outras das duas uma ou EU deixa de exportar ou exporta carros diesel e fabrica para EU veiculo eletricos.Os atuais auto eletricos nao substituem nem sao alternativa á maioria da populaçao dispersa pelo território.Dispersem os equipamentos na saude,governaçao,empresas,tribunais.correios.fisc o,comercio,ensino, etc e deixarao de haver concentraçao de veiculos nas cidades e haverá menos interior.A falta de estruturaçao e planificaçao das cidades ou areas metropolitanas sao a causa de numerosos acidentes e poluiçao de algumas areas.
    Dino | 09.01.2020 | 12.44Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • É uma questao politica e em Portugal uma restriço destas levará á queda ou nao votaçao nos partidos,camaras, ou governo que implemente tal medida.Até parece que o POVO possui euros para trocar de carro como uma prioridade e pagar a gazolina ao preço que está.É um fundamentalismo radical e é preciso se quiserem tomar medidas a longo prazo.Se nao querem gente trabalhadora nas cidades construam os equipamentos em zonas periféricas,ministérios,fisco,bancos,centros comerciais,tribunais,registos civis,hospitais etc.
    Ditadura eclógica | 05.01.2020 | 14.38Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • A nao eliminaçao gradual dos combustiveis fosseis matará milhares ,a eliminaçao fundamentalista dos mesmos matará bilioes.A soluçao eletrica nao convence a maioria ,há outras soluçoes já estudadas e menos poluentes quer no fabrico quer na utilizaçao. Por exemplo o carro a hidrógenio é uma realidade nao poluente,o carro a energia atómica é menos poluente e carros a ar comprimido tb sao nada poluentes etc ..Conclusao fundamentalistas estao a inquinar soluçoes.Na realidade a substituiçao de toda a frota e motores é incomportável pra qualquer País a nao ser para os fabricadores/produtores
    Antonio | 20.12.2019 | 14.27Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Não percebo porque há tanto comentário denunciado.Nada é por acaso e as verdadeiras razoes desta politica ainda não estão clarificadas.Sâo conspiraçoes internacionais que prejudicam quase todos e vao beneficiar alguém.A substituição da frota mundial a diesel é o desastre económico para países e famílias.
    vera | 11.04.2019 | 09.58Hver comentário denunciado
  • São daquelas noticias que nos fazem pensar nas opções estupidas de bruxelas e que meia duzia de tugas com QI entre 15 e 75 escrevem sem fazer uma analise do tema. Informo que a alemanha está por detras do assunto e em guerra com americas no caso VW.
    Jaime Mota | 03.08.2018 | 23.18Hver comentário denunciado
  • Ainda há muita neblina acerca do tema. É preciso dar tempo para se ter uma informação ajustada às escolhas que se farão, no momento de aquisição de carro.
    Mário Bravo | 16.03.2018 | 18.29Hver comentário denunciado
  • A gasolina está provado que polui muito mais do que o gasóleo. Agora aprecem com a teoria contrária. Daí até que os carros a gasóleo sejam retirados é quando a montanha parir um rato. Os aviões são os maiores poluidores. Os alarmistas que vão para o carvalho.
    Brm. brm | 27.09.2017 | 14.57Hver comentário denunciado
  • É lobby das petrolíferas que estão a ter muitíssimo menos lucros com a produção do gasóleo cujas matérias primas provinham de unidades que estão a ser adaptadas para outras produções!
    Jesus Cristo laico | 18.09.2017 | 22.43Hver comentário denunciado
  • Daqui a cem anos a maioria dos carros não têm rodas e vai-se de férias a Marte ou à Lua.....!!!!
    DOCTORALICA | 18.09.2017 | 20.06Hver comentário denunciado
  • Ainda leva 100 anos desaparecer os carros a gasóleo!
    Anónimo | 15.09.2017 | 10.00Hver comentário denunciado
  • Se é para salvar vidas, como aconteceu no taxas tudo bem!
    Cliente | 14.09.2017 | 11.54Hver comentário denunciado
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE