Actualidade

Aliança de extrema-direita de Israel aprova plano para anexar Cisjordânia

13 | 09 | 2017   13.25H

Uma aliança da extrema-direita e de nacionalistas israelitas aprovou na terça-feira um plano para anexar a Cisjordânia ocupada e incentivar a saída dos palestinianos, numa iniciativa que contou com o apoio do primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu.

A aliança política designada Unidade Nacional aprovou o plano num encontro ao qual o chefe do Governo, em visita oficial à América Latina, se dirigiu através de vídeo.

Na reunião participaram o ministro da Agricultura, Uri Ariel, e vários deputados, entre os quais Bezalel Smotrich (Casa Judaica, extrema-direita), o promotor do plano, segundo o jornal israelita Haaretz.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE