Taça da Liga

Competição leva novo empurrão

18 | 09 | 2017   23.35H
Liga de Clubes antecipou (e muito) a disputa da fase de grupos, no que poderá ser a derradeira tentativa de tornar a prova, que Jesus quer vencer, mais interessante.
João Moniz | jmoniz@destak.pt

Primeiro foi a chamada final four, no fim de janeiro, que passou a reunir as meias-finais e o jogo decisivo no mesmo estádio, no espaço de quatro dias. A tentativa de reanimar a Taça da Liga, na época passada, não surtiu grande efeito, até porque nenhum dos grandes chegou à final.

Esta temporada, embora mantendo o atrativo de ter os jogos decisivos colados uns aos outros, a Liga de Clubes decidiu mexer ainda mais com a prova.

Nos últimos anos, a fase de grupos da Taça da Liga disputava-se no final de dezembro e o início de janeiro. Servia como uma espécie de segunda pré-temporada depois da habitual (longa) pausa no campeonato por causa da época natalícia.

O que aconteceu invariavelmente foi que, sobretudo os clubes grandes, aproveitaram esta competição (considerada apenas a quarta mais importante no calendário, atrás do campeonato, Taça de Portugal e Supertaça) para rodar jogadores.

Essa opção fez com que, consistentemente, FC Porto e Sporting (sobretudo estes, afinal o Benfica já venceu sete vezes) fossem eliminados antes das meias-finais, tirando interesse a uma prova que (ainda que de forma não assumida) está pensada precisamente para promover a disputa de clássicos (única forma de apimentar a competição).

Numa medida sem precedentes, a Liga de Clubes antecipou a fase de grupos em praticamente três meses, ao ponto de os principais clubes do campeonato disputarem primeiro a Taça da Liga do que a própria Taça de Portugal.

A ideia (ainda que não assumida) será evitar a rotação excessiva que os grandes clubes faziam numa fase morna do calendário.

Jorge Jesus, que ontem assumiu à Sporting TV a vontade de vencer a Taça da Liga, será o primeiro a colocar à prova a robustez dessa solução, quando o Sporting receber esta noite (20h15 - Sport TV) o Marítimo.

Foto: Vítor Chi
Competição leva novo empurrão | © Vítor Chi
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE