Incêndios

Secretário de Estado não consegue provar mas diz que fogos têm origem criminosa

07 | 10 | 2017   18.40H

O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, não tem "forma de provar", mas considera que vários dos incêndios florestais que têm deflagrado nas últimas horas no país têm "origem criminosa".

Trata-se de incêndios que "alguém quer realmente provocar", sustentou o governante, em declarações à agência Lusa, quando visitava a Pampilhosa da Serra, concelho onde, desde as 23:20 de sexta-feira lavra um fogo, que, então, progredia em cinco frentes.

"É a vontade de fazer arder que continua a imperar e a criar esta instabilidade no País e nas pessoas", afirmou Jorge Gomes, salientando que, "de forma nenhuma, isto é perdoável".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

8 comentários

  • Sim, concordo que os fogos têm origem criminosa. Os criminosos são os diversos Governos, as Câmaras, as Juntas, a Proteção Civil, o Siresp, e, em ultima instância, um ou outro pirómano que pega fogo a pedido de alguém, com outros interesses....
    anónimo | 13.10.2017 | 12.21Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • E OS QUE ANDARAM A PÔR FOGOS QUE ESTÃO PRESOS NÃO FIZERAM NADA. AS PESSOAS É QUE PAGAM COM O MAL DOS OUTROS E O ESTADO NÃO ATUA COM SEVERIDADE.
    É PRECISO ATUAR | 10.10.2017 | 13.09Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • As causas dos fogos dizem na televisão que são do calor,dos vidros, dos plásticos , dos eucaliptos, dos pinheiros, do mato.. O que verdadeiramente está em causa são aqueles que deitam os fogos e segundo a pj este ano já tinham prendido cem. Estes indivíduos causaram tanta destruição, mortes e feridos que deviam ser condenados a prisão perpétua. Parece que ainda têm pena desta gente e as penas que lhe são aplicadas não são nenhumas.As autoridades têm que olhar para isto com muita atenção tendo em conta o prejuízo que tem causado a muitos que trabalharam uma vida e de um momento para o outro ficam sem nada.
    Uma calamidade | 09.10.2017 | 01.48Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • 99% são de origem humana e 1% por causas desconhecidas.Qdo n controlam e prortegem a população citadina em áreas nobres como podem impedir este crime em áreas com milhares de hectares.AS tretas do costume limpezas etc é tudo treta,criar clareiras á volta das povoações e cortes na floresta de 100 a 150 metros é a solução premente etc
    Kafu | 08.10.2017 | 13.48Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • os espanhóis, sempre, agora por causa da Catalunha, antes e sempre por poder e dinheiro
    afonso henriques | 07.10.2017 | 22.46Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Com a geringonça no desgoverno Portugal continua ardendo do norte ao sul tudo vai bem com este bando de irresponsaveis considero uma vergonha deixam queimar a natureza este povo atrasado tem o que merece viva a xuxicomunada!!
    farçolas | 07.10.2017 | 21.46Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • E as licenciaturas?
    Alvaro | 07.10.2017 | 20.10Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Vão ver que tira o lugar ao brucho da Are.... Há cada mente!
    Alvaro | 07.10.2017 | 19.58Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE