Transportes

Soflusa opera sem um terço dos navios

08 | 10 | 2017   23.08H
Sindicato adianta que só estão disponíveis quatro embarcações, quando deveriam ser seis no mínimo.
João Moniz | jmoniz@destak.pt

A partir de hoje, e «durante quatro dias pelo menos», a Soflusa vai operar com quatro navios quando deveria ter «seis embarcações em operação».

O alerta parte da Federação de Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans), para quem «os problemas para os utentes nos próximos dias vão ser ainda maiores e mais trabalhadores vão ficar parados, porque a maioria da frota está imobilizada».

Esta posição vem ao encontro do anunciado pela própria empresa responsável pela ligação fluvial entre o Barreiro e Lisboa, que avisou que «não iria conseguir» assegurar todas as carreiras entre hoje e sexta-feira por «indisponibilidade da frota».

O regresso do navio Damião de Góis, ainda no estaleiro, será fundamental para cumprir o desejado regresso à normalidade.

Para a Fectrans, este problema «é o resultado de um plano que ao longo de muitos anos esteve em desenvolvimento pelos anteriores governos e administrações, que trabalharam para a privatização deste sector, situação que o atual governo herdou, mas que pouco tem feito para resolver».

O sindicato quer uma ação mais incisiva do Executivo, que deverá pensar mais no presente e não no futuro.

Foto: Pedro Catarino/CM
Soflusa opera sem um terço dos navios | © Pedro Catarino/CM

5 comentários

  • O ultimo governo até os mandou fazer mais de quinze greves no ano a comunada gosta pouco de trabalho manada de arruaçeiros
    farçolas | 14.10.2017 | 20.21Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • pesada herança do anterior governo! navios a precisarem de manutenção e até de reforço com mais unidades.
    zé da Mula o Alentejano | 12.10.2017 | 20.50Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • A culpa é sempre dos outros os arruaçeiros dos arménios sâo sempre os mesmos trabalho nega!!Greves sim responsabilidade nâo; é este o desenvolvimento que temos em Portugal! Tudo vai bem!!!
    farçolas | 09.10.2017 | 22.03Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Bem, do ponto de vista 'optimista'... a Soflusa não opera sem um terço dos navios! A Soflusa opera com dois terços dos navios!
    Anónimo | 09.10.2017 | 21.29Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Ahhhh pois... os navios têm de ter pneus novos... senão...
    Anónimo | 09.10.2017 | 21.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE