Actualidade

Executado no Texas (EUA) condenado pela morte de um guarda prisional

13 | 10 | 2017   02.20H

O estado norte-americano do Texas executou na quinta-feira um homem condenado à morte pelo homicídio de um guarda prisional em 1999.

Robert Pruett, de 38 anos, foi declarado morto às 18:46 de quinta-feira (00:46 em Lisboa) após receber uma injeção letal na prisão de Huntsville, de acordo com informações divulgadas pelo Departamento de Justiça Criminal do Texas.

A execução de Robert Pruett foi a sexta do ano no Texas e a 20.ª nos Estados Unidos da América.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE