Actualidade

Vitória provável dos conservadores na Áustria deve levar extrema-direita ao governo

13 | 10 | 2017   11.48H

A Áustria deverá eleger o seu chanceler mais jovem de sempre, o conservador Sebastian Kurz, nas legislativas do próximo domingo, que deverão também levar a extrema-direita ao governo.

Todas as sondagens apontam para uma vitória do ÖVP (direita), liderado por Kurz. O atual ministro dos Negócios Estrangeiros austríaco tem apenas 31 anos, e deverá ser o próximo chanceler. No entanto, o seu partido não terá maioria absoluta, e o único parceiro de coligação viável será o FPÖ (extrema-direita).

Tal como a vizinha Alemanha, a Áustria é governada há uma década por uma coligação de "bloco central". O mandato deveria durar até 2018, mas uma crise interna no ÖVP levou o líder do partido, Reinhold Mitterlehner, a demitir-se. Kurz sucedeu-lhe, e logo depois o ÖVP e o SPÖ (socialistas) resolveram convocar eleições antecipadas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE