PUBLICIDADE
Web Summi

CEiiA procura parcerias com 'startups' para acelerar projetos como o carro-drone

08 | 11 | 2017   16.22H

O Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel (CEiiA) anunciou hoje, na Web Summit, que procura 'startups' de 'hardware' e 'software' para se juntarem no desenvolvimento de projetos como o futuro carro-drone.

Desde março que cinco 'startups' já colaboram no âmbito do projeto de aceleração 4Scale, com o CEiiA a querer "atrair as melhores 'startups' de todo o mundo" para os seus projetos próprios na área da indústria da mobilidade, segundo Helena Silva, do CEiiA.

"Necessitamos de parceiros, como 'startups', para acelerar o 'plan to market' de produtos" próprios da instituição, como o veículo autónomo (BE) e a sua evolução para o 'flow-me', ou seja, o carro-drone, disse a diretora geral à agência Lusa.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • É mais fácil a implementação dos "flying drones" para passageiros do que os "car drones", porque os "car drones" se limitam a uma circulação em 2D ao nível do solo enquanto que os "flying drones" não utilizam estradas e podem circular por camadas (em 3D). Assim, à semelhança dos drones de lazer, terão que ser criadas regras de trânsito para os "flying drones" por forma a que não interferam com a aviação atual. Isso implicará mais limitações para o voo dos drones de lazer.
    zé da burra o alentejano | 08.11.2017 | 18.20Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE