Actualidade

Aluna que publicou vídeo de lagarta em refeição escolar alvo de processo disciplinar

10 | 11 | 2017   17.52H

A aluna de uma escola de Braga que partilhou o vídeo de uma lagarta no prato de refeição servido na cantina está a ser alvo de um processo disciplinar, denunciou hoje a Associação de Pais da instituição.

Em declarações à Lusa, a presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica 2/3 André Soares, Dulce Campos, explicou que a mãe da estudante em causa foi chamada à escola para lhe ser comunicado que a filha seria alvo de um processo disciplinar, por ter partilhado um vídeo filmado no estabelecimento de ensino, o que será proibido pelo regulamento interno da instituição.

A Lusa tentou entrar em contacto com a direção da escola mas até ao momento não foi possível.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

5 comentários

  • Aonde fica a liberdade de informação? sem informação nada se sabe e por isso nada acontece. Está a generalizar-se a "lei da rolha". Com isto não posso afirmar que a miúda tenha ou não encontrado uma lagarta na comida, a qual poderá até ter sido trazida por ela mesma. Aqui penso que neste caso não existe qualquer prova para alem de um vídeo onde se ve uma lagarta a passear pela salada. Mas muitos casos têm acontecido em que nada se passa até que aparecem provas indesmentíveis, como foi o caso da violência praticada por alguns seguranças de uma discoteca em Lisboa. Muitos casos terão acontecido antes sem que tivesse resultado em qualquer punição.
    zé da burra o alentejano | 14.11.2017 | 19.34Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Pede-se atenção dos Responsáveis para estas situações. A refeição é paga seja por quem fôr. Apela-se a Inspeção. Como são crianças, os pais não olham.
    laura | 14.11.2017 | 11.28Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Castiga-se a aluna e louva-se os responsáveis da cozinha!
    Jesus Cristo laico | 10.11.2017 | 23.00Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • A aluna não podia partilhar o video da lagarta na refeição! Isso é crime! A lagarta não deu autorização. A aluna devia ter tirado apenas fotos... As lagartas são vaidosas! Aparece cada situação estranha nas escolas, desde fantasmas, assombrações, objetos que se movem sem ninguém (visível)... E, li uma notícia que diz assim "Foram encontrados, na passada quarta-feira, fezes de rato nos fogões da cozinha do pólo 2 do Agrupamento de Escolas de Macedo de Cavaleiros. A situação terá sido, inclusivamente, fotografada."
    Anónimo | 10.11.2017 | 21.58Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Pois... mais do mesmo! A aluna fez o era proibido! Deduz-se que no dito 'regulamento' não será proibido ter lagartas na refeição, logo, é permitido ter lagartas vivas na refeição. Já não se pode ser lagarta... em lado nenhum, salvo nas reportagens do canal Odisseia.
    Anónimo | 10.11.2017 | 20.17Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE