Jerusalém

Líbano e Síria criticam Trump e solidarizam-se com palestinianos

06 | 12 | 2017   23.21H

O Líbano e a Síria juntaram-se hoje ao coro de críticas ao reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel anunciado pelo Presidente Donald Trump, manifestando solidariedade com os palestinianos.

O Líbano "rejeita e denuncia esta decisão e anuncia a sua total solidariedade para como o povo palestiniano", afirmou o primeiro-ministro libanês, Saad Hariri.

O presidente Sírio, Bashar al-Assad, na sua página oficial no Facebook, considerou que "o futuro de Jerusalém não será determinado por um Estado ou um presidente, mas pela sua história, a sua vontade e determinação daqueles que são leais à causa palestiniana".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE