Actualidade

Filme "A fábrica de nada" vence prémio Fénix de melhor montagem

07 | 12 | 2017   08.21H

O filme português "A fábrica de nada", de Pedro Pinho, conquistou o galardão de melhor montagem dos Prémios Fénix do cinema ibero-americano, entregues na noite de quarta-feira na Cidade do México.

O filme chileno "Una mujer fantástica" e a plataforma 'online' Netflix foram os grandes vencedores da quarta edição dos Prémios Fénix do cinema ibero-americano, para os quais estavam nomeados os filmes "A fábrica de nada" e "O ornitólogo", além do músico Rodrigo Leão pela banda sonora original do documentário "No intenso agora", do realizador brasileiro João Moreira Salles.

O filme "Joaquim", do realizador brasileiro Marcelo Gomes, coproduzido entre Portugal e Brasil, conquistou, por seu turno, o prémio de melhor guarda-roupa, única categoria para a qual estava indicado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE