Actualidade

Absolvida proprietária de lar de Lisboa julgada por maus-tratos a idosos

07 | 12 | 2017   11.22H

A proprietária de um lar de terceira idade em Lisboa acusada pelo Ministério Público (MP) de maus-tratos sobre 10 idosos, que se encontravam internados na instituição, foi hoje absolvida.

Segundo a acusação, os idosos viviam sob "insuficiência de cuidados assistenciais de enfermagem e de vigilância" e estavam "subnutridos", além de a responsável pelo lar ordenar às funcionárias que dessem banho aos utentes "com vinagre, detergente da loiça ou lixívia".

Nas alegações finais, que decorreram a 14 de setembro, a procuradora do MP defendeu a condenação da arguida, sem, no entanto, quantificar a pena, tendo os advogados Paulo Graça e Paula Roque pedido a absolvição da cliente.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE