Actualidade

Suspeito de matar segurança de discoteca de Lisboa fica em prisão preventiva

11 | 12 | 2017   18.50H

O suspeito de balear mortalmente na sexta-feira um segurança de uma discoteca de Lisboa ficou hoje em prisão preventiva, depois de presente a um juiz de instrução criminal para primeiro interrogatório judicial, disse à agência Lusa fonte policial.

O jovem, de 17 anos, que se entregou no sábado nas instalações da Polícia Judiciária, em Lisboa, e foi ouvido durante a tarde de hoje por um juiz no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, no Campus da Justiça.

O segurança, de 42 anos, foi baleado à porta da discoteca Barrio Latino, onde trabalhava. O homem acabou por morrer no Hospital de São José.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE