Actualidade

Carnaval de Buarcos/Figueira da Foz quer ser "época alta" fora do verão

17 | 01 | 2018   18.36H

O carnaval de Buarcos/Figueira da Foz, cuja edição de 2018 foi hoje apresentada, quer que o evento seja "uma época alta" do concelho para reproduzir na economia local o investimento realizado, disse fonte da associação promotora.

"Defendemos que o investimento realizado no Carnaval seja multiplicado várias vezes no nosso tecido económico, incentivando os turistas a permanecerem vários dias no nosso concelho, conhecerem a nossa riqueza cultural e gastronómica e a pensarem na Figueira da Foz como destino das próximas férias", disse José Gouveia, presidente da direção da Associação do Carnaval de Buarcos/Figueira da Foz (ACBFF).

Organizada pelo terceiro ano consecutivo pela ACBFF, em parceria com a autarquia local, a edição de 2018 tem como reis o cantor e produtor musical Sérgio Rossi - irmão de Romana, rainha da edição de 2017 - e Lúcia Costa, 38 anos, uma auxiliar de ação educativa, natural de Buarcos, "participante no Carnaval desde que se lembra de ser gente" e que foi eleita por uma votação popular "que mobilizou centenas de pessoas ao longo de meses".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE