Actualidade

Incidência de cálculos renais "aumenta de forma constante" nos EUA

13 | 02 | 2018   05.49H

A incidência de cálculos renais está a aumentar de "forma constante" nos Estados Unidos, especialmente entre as mulheres de 18 a 39 anos, segundo um estudo divulgado hoje pela Mayo Clinic.

Os autores do estudo avançam, no entanto, que o aumento estará em grande parte relacionado com os avanços na tecnologia, que permitem aos investigadores examinar e classificar com mais precisão a formação de pedras nos rins dos pacientes.

"Pedras nos rins sintomáticas estão a tornar-se mais comuns nos dois sexos", explica o Andrew Rule, o principal responsável pelo estudo, citado pela agência EFE, adiantando que "os avanços na tecnologia de imagem" permitem atualmente um diagnóstico mais preciso.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE