Estado aumenta capital da STCP

22 | 02 | 2018   23.22H
Estado reforçou o capital social na Sociedade de Transportes Coletivos do Porto em 56,3 milhões de euros por conversão de créditos que detinha sobre a empresa.
Destak | destak@destak.pt

De acordo com informação transmitida ontem pela Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP) à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o aumento de capital foi concretizado «através da emissão de 11 274 421 novas ações nominativas com o valor de cinco euros cada, por conversão dos créditos detidos pelo Estado/Direção Geral do Tesouro e Finanças, que se venceram em 30 de novembro de 2017». Com esta operação financeira, «o capital social da STCP é atualmente de 213 152 770 euros», lê-se no comunicado.

De recordar que o último aumento de capital da STCP tinha sido realizado em julho do ano passado, em quase 13,5 milhões de euros. Já no mês de fevereiro de 2017 o Estado tinha reforçado o capital social desta empresa de transporte público que opera na região metropolitana do Grande Porto em 27,5 milhões de euros por conversão de créditos que detinha sobre a empresa.

De salientar que a nova administração da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto – que materializa o novo modelo de gestão da empresa acordado entre o Estado (único acionista) e os municípios de Porto, Matosinhos, Vila Nova de Gaia, Gondomar, Valongo e Maia – tomou posse no passado dia 2 de janeiro. Apesar de continuar a ser propriedade do Estado, a gestão da STCP está a cargo, durante sete anos, destes seis municípios do Grande Porto servidos pela rede da STCP.

Foto: DR
Estado aumenta capital da STCP | © DR
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE