Actualidade

Timor-Leste com um dos índices mais elevados do mundo de doença cardíaca reumática

17 | 04 | 2018   05.21H

Um estudo australiano demonstrou que Timor-Leste tem um dos índices mais elevados de doença cardíaca reumática do mundo, com a maioria dos casos por diagnosticar, até que crianças e jovens desenvolvem graves problemas.

"Fiquei e continuo a ficar surpreendido pela prevalência e pelo número de casos que encontro. A prevalência é das mais elevadas do mundo", disse à Lusa Josh Francis, da Menzies School of Health Research, sediada em Darwin, e que liderou o estudo.

Em Díli, onde equipas de investigadores, médicos e pediatras timorenses e australianos estão a conduzir uma segunda fase do estudo, Francis afirmou que apesar da doença poder ser prevenida e tratada, muitos dos casos tardam em ser diagnosticados.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE