Actualidade

China promete tomar "medidas necessárias" para proteger empresas do país

17 | 04 | 2018   08.04H

O Ministério do Comércio chinês anunciou hoje que vai "tomar as medidas necessárias para proteger as empresas" chinesas, um dia depois dos Estados Unidos proibirem a venda de componentes ao grupo de telecomunicações ZTE.

"A China vai tomar as medidas necessárias para proteger os direitos e interesses das empresas legítimas" chinesas, garantiu, em comunicado, o Ministério.

Washington deve ser capaz de criar "um ambiente justo, equitativo e estável para as empresas chinesas", indicou o documento.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE