Actualidade

Guterres quer investigação aos ataques que causaram dezenas de mortos no Iémen

23 | 04 | 2018   20.59H

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, pediu hoje uma investigação sobre os ataques que mataram dezenas de pessoas no Iémen, no domingo, durante um casamento, efetuados pela coligação liderada pela Arábia Saudita.

"O secretário-geral condena firmemente os ataques aéreos durante um casamento em Hajjah e sobre veículos civis em Taez, onde pelo menos 50 civis, incluído crianças, foram mortos e muitos mais sofreram ferimentos", refere as Nações Unidas em comunicado.

António Guterres quer que seja efetuada uma "investigação rápida, eficiente e transparente" sobre os acontecimentos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

2 comentários

  • Não serão necessários inquéritos. Basta perguntar aos medievais carniceiros da Arábia Saudita. Ignorar a realidade será consentir o prosseguimento da carnificina desta ditadura de cariz fascista.
    Postal de londres | 25.04.2018 | 11.30Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Já agora devias pedir uma investigação à tua participação na criminosa guerra da Jugoslávia seu farsante de m++++.
    Nunca mais o prende? | 24.04.2018 | 13.55Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE