Petróleo

PEV diz que decisão da APA é inadmissível e agenda debate de atualidade

16 | 05 | 2018   19.17H

O PEV considerou hoje inadmissível que a Agência Portuguesa do Ambiente dispense de estudo de impacto ambiental a prospeção de petróleo ao largo de Aljezur, agendando para sexta-feira um debate de atualidade para ouvir os governantes responsáveis.

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) anunciou hoje que dispensou de estudo de impacto ambiental a prospeção de petróleo ao largo de Aljezur pelo consórcio Eni/Galp, pesquisa que está prevista ser iniciada entre setembro e outubro, após uma preparação com uma duração estimada de três meses.

Em declarações aos jornalistas no parlamento, a deputada do PEV Heloísa Apolónia considerou "inadmissível esta decisão da APA", acusando a instituição de "demonstrar uma sobranceria grande" e de se "distanciar daquela que deve ser a participação efetiva das populações", o que dizem ser "muito grave".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE