Actualidade

Bispos chilenos apresentaram renúncia ao papa

18 | 05 | 2018   12.54H

Todos os bispos chilenos apresentaram a sua renúncia depois de três encontros com o papa Francisco, no Vaticano, na sequência do escândalo de abusos sexuais que abalou o clero no Chile.

Um total de 34 bispos do Chile foram convocados de 15 a 17 de maio para se reunir com o papa Francisco depois de uma série de erros e omissões na gestão de casos de abuso, especialmente em relação ao caso de Juan Barros, acusado de encobrir o padre Fernando Karadima.

Karadima foi condenado em 2011 pela justiça canónica a uma vida de reclusão e penitência por esses atos.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE