Actualidade

Polícia angolana trava manifestação sobre acontecimentos de 27 de maio de 1977

27 | 05 | 2018   14.15H

Duas dezenas de jovens ativistas manifestaram-se hoje na Praça da Independência, centro de Luanda, exigindo respostas para o alegado massacre de milhares de angolanos, em 27 de maio de 1977, protesto travado poucos minutos depois pela polícia.

O protesto, presenciado pela agência Lusa no local, aconteceu cerca das 12:30, quando os ativistas angolanos surgiram, a correr, para ocupar a Praça da Independência, com cartazes e palavras de ordem sobre o 41.º aniversário dos acontecimentos do 27 de maio.

"Vamos entrar, vamos entrar no largo", gritaram os ativistas, enquanto ocorriam na direção do interior da praça, já sob vigilância policial.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE