PS/Congresso

Costa anuncia mais limites para contratos a termo e quer acordo para horários laborais

27 | 05 | 2018   14.55H

O secretário-geral do PS anunciou hoje uma proposta para limitar os contratos a termo, sobretudo para jovens no primeiro emprego, e pediu um acordo de concertação social para a conciliação da vida familiar com a profissional.

Estas duas medidas foram transmitidas por António Costa no discurso de encerramento do 22º Congresso Nacional do PS, na Batalha, no distrito de Leiria, numa intervenção que dedicou sobretudo às políticas de inserção das novas gerações no mercado de trabalho.

Depois de definir como objetivos a redução do abandono escolar dos atuais 12% para 10% em 2020 e de desenhar como meta a existência de 60% de alunos em vias profissionalizantes em 2030, António Costa considerou que, mais do que os números do défice, orgulha-se dos mais recentes indicadores sociais.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE