PUBLICIDADE
Actualidade

Infraestruturas de Portugal prevê intervir em 250 passagens de nível para reduzir sinistralidade

06 | 06 | 2018   17.55H

A Infraestruturas de Portugal (IP) prevê suprimir ou automatizar mais de 250 passagens de nível (PN) até 2022 com o objetivo de reduzir a sinistralidade, que no ano passado se fixou num total de 17 acidentes, causando seis mortos.

Os dados mais recentes de sinistralidade e os planos de investimento para o reforço da segurança nas passagens de nível são apresentados pela empresa na quinta-feira em Lagoa, no Algarve, para assinalar o Dia Internacional para a Segurança em Passagens de Nível.

Segundo estes dados da IP, a que a Lusa teve acesso, no ano passado foram registados 17 acidentes em passagens de nível, quatro deles com peões e 13 deles com viaturas.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE