Incêndios

Kamov vão ser substituídos por outros helicópteros pesados entre julho e outubro

14 | 06 | 2018   21.29H

Os três helicópteros Kamov do Estado, que estão parados, vão ser substituídos, entre julho e outubro, por outros helicópteros pesados de combate a incêndios, tendo sido feito um "contrato alternativo", anunciou hoje o Governo.

O secretário de Estado da Proteção Civil disse na comissão parlamentar de Agricultura e Mar que na sexta-feira vai ser adjudicada a prestação de serviços que vai permitir ter helicópteros pesados entre 01 de julho e 31 de outubro.

O dispositivo de combate a incêndios rurais estabelece para este ano um total de 55 aeronaves, sendo 50 alugadas e seis da frota do Estado.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE