Alzheimer

Projecto "Rumo Seguro" já deu resultados

30 | 06 | 2009   18.39H

A Polícia de Segurança Pública (PSP) é uma das entidades associadas a este programa, que conta também com a colaboração da associação Alzheimer Portugal e da Amaze, uma empresa de consultoria na área da saúde.

Em Portugal, estima-se que existam 70 mil pessoas com a doença de Alzheimer e que 60 por cento destas se ausentem com frequência das suas residências ou estabelecimentos de saúde, deambulando sem rumo certo.

A intervenção é feita através da colocação de uma pulseira ou de um fio no doente, com um conjunto de caracteres que identifica o seu cuidador, e de uma linha telefónica de apoio ao programa que identifica os contactos necessários (808 10 12 12).

Segundo um comunicado da PSP, no passado dia 09 de Junho a PSP de São João da Talha (Loures) sinalizou um doente de Alzheimer às 16:55 e menos de uma hora depois a pessoa regressou ao lar de onde se tinha ausentado.

A PSP aderiu ao programa "Rumo Seguro" no final de Abril.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE