Actualidade

Certidões criminais não apontam corrupção de nomes propostos para Governo timorense - Xanana

12 | 07 | 2018   06.12H

O líder da coligação do Governo timorense questionou hoje os critérios do Presidente para não dar posse a vários membros do executivo, com certidões criminais a demonstrar não estarem envolvidos em casos de corrupção.

Em conferência de imprensa, Xanana Gusmão considerou inaceitável que dirigentes do Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT), e das restantes forças políticas da coligação governamental Aliança de Mudança para o Progresso (AMP) estejam a ser acusados de "ladrões e corruptos".

"Sentimos isto sobretudo no CNRT. Sentimo-nos totalmente afetados e, por isso, não fui duas vezes à posse, em solidariedade com os meus quadros do partido, já que nos conhecemos", afirmou Xanana Gusmão.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE