CPLP/Cimeira

Países devem "renovar compromisso" sobre mobilidade - secretária-executiva

14 | 07 | 2018   05.02H

A próxima cimeira da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) não deverá aprovar medidas para promover a mobilidade dos cidadãos lusófonos, mas os Estados deverão "renovar o compromisso" sobre esta matéria, disse à Lusa a secretária-executiva da organização.

"Creio que a cimeira não irá tomar decisões concretas sobre a mobilidade, mas vai renovar o compromisso político dos Estados-membros relativamente a esta temática", afirmou Maria do Carmo Silveira, em entrevista à Lusa a propósito da XII conferência de chefes de Estado e de Governo da CPLP, que decorre na próxima terça e quarta-feira em Santa Maria, ilha do Sal, Cabo Verde.

Segundo a secretária-executiva, espera-se que os líderes dos nove países da organização lusófona "renovem o engajamento no sentido de se encontrar uma solução para esta questão, que é extremamente importante" para a comunidade e para as populações dos Estados-membros.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE