Actualidade

Edifícios e equipamentos com amianto de empresas privadas vão ser identificados

18 | 07 | 2018   21.03H

Os edifícios, instalações e equipamentos de empresas com amianto deverão ser identificados no período de um ano, com vista à remoção do produto cancerígeno, de acordo com um projeto de lei hoje aprovado pelo parlamento.

No âmbito de uma maratona de votações os deputados aprovaram o texto final discutido e aprovado em sede de Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, resultado de dois projetos de lei, um do partido ecologista Os Verdes (PEV) e outro do partido Pessoas, Animais, Natureza (PAN).

O texto aprovado estabelece procedimentos e objetivos para a remoção de produtos com fibras de amianto ainda presentes em edifícios, instalações ou equipamentos privados, incluindo empresas privadas e habitações.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • O fibrocimento só deve ser retirado em situações extremas, é como desenterrar material radioactivo. O fibrocimento à base de amianto só é perigoso quando manipulado e quando é retirado podendo deixar partículas aderentes a paredes tectos, etc. que se vão desprendendo com o tempo e consequentemente virem a ser aspiradas para os pulmões!
    Manuel Peñascoso | 18.07.2018 | 22.27Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE