Actualidade

Polícia moçambicana impede entrada de 33 pessoas que iriam juntar-se a grupos armados

20 | 08 | 2018   15.25H

A Polícia da República de Moçambique (PRM) anunciou hoje que impediu a entrada em Cabo Delgado de 33 pessoas que supostamente iam juntar-se aos grupos armados que têm protagonizado ataques naquela província do norte de Moçambique.

"Trata-se de um grupo que estava a caminho de Macomia, em Cabo Delgado, saindo de Nampula, província vizinha, e sem razões claras", explicou à Lusa o porta-voz da PRM na província de Cabo Delgado, Augusto Guta.

Os integrantes do grupo, que saía da localidade de Memba, zona costeira de Nampula, dizem que iam a Cabo Delgado para pescar, alegando que a província tem melhor disponibilidade de recursos pesqueiros.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE