Actualidade

Instituto mexicano confirma que livro maia é o mais antigo documento pré-colombiano

31 | 08 | 2018   06.14H

O Instituto Nacional de História e Antropologia do México confirmou na quinta-feira a autenticidade do livro maia "Glorier Codex", descoberto há 54 anos e considerado o mais antigo documento pré-colombiano.

De acordo com analistas, o texto pictográfico foi escrito entre os anos 1021 e 1154 (D.C.) e é mesmo o mais antigo documento da era pré-colombiana, ou seja, antes das chegada dos europeus ao continente americano.

Com este reconhecimento, o "Glorier Codex" - do qual restam apenas 10 páginas - passa a ter uma nova denominação: Códice Maia do México.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE