Actualidade

Diretores e chefes de serviço do Hospital Gaia/Espinho demitem-se

05 | 09 | 2018   15.17H

Os diretores e chefes de serviço do Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho (CHVNG/E) demitiram-se hoje, anunciou o presidente do Conselho Regional do Norte, António Araújo, em conferência de imprensa.

Em março, numa visita à unidade hospitalar para se inteirar dos problemas existentes, o bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, disse que todos os diretores de serviço do Centro Hospitalar estavam dispostos a demitir-se se "a situação caótica" se mantivesse.

"[Existem] condições caóticas. O Serviço de Urgência parece um cenário de guerra com macas por todo o corredor. Quase é impossível circular (...). Este hospital está a definhar. As prioridades são a melhoria das infraestruturas e dotar o hospital com os recursos humanos necessários", afirmou, na altura, o bastonário, referindo que foi decidido enviar uma carta e solicitar uma reunião "urgente" ao ministro da Saúde.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE