Actualidade

Milícia "Sétima Brigada" ameaça violar frágil cessar-fogo na capital líbia

12 | 09 | 2018   18.10H

A milícia líbia "Sétima Brigada" ameaçou hoje violar o cessar-fogo negociado na semana passada pela ONU, que pôs fim a dez dias de combates entre milícias em Tripoli, os piores desde o início da guerra civil, em 2014.

Em comunicado citado pela agência noticiosa espanhola Efe, a milícia, uma das mais importantes da capital líbia, advertiu que prosseguirá as suas operações no sul da cidade "até erradicar o crime e o 'jihadismo'".

"A Sétima Brigada não tem qualquer agenda oculta nem uma orientação política ou religiosa em particular", assegurou, antes de afirmar que não partilha da decisão do Governo de Acordo Nacional (GNA), apoiado pela ONU em Trípoli, de pôr a capital em alerta máximo.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE