Táxis

Profissionais do Algarve contestam grande aumento de carros descaracterizados no verão

19 | 09 | 2018   09.56H

Cerca de duas centenas de táxis do Algarve estão hoje concentrados na Estrada Nacional 125, junto ao aeroporto de Faro, protestando contra o aumento do número de veículos descaracterizados que no verão trabalham na região e lhes retiram negócio.

A manifestação de taxistas contra a lei das novas plataformas de transporte, que se realiza também no Porto e em Lisboa, conseguiu reunir na estrada de acesso ao aeroporto algarvio "à volta de 50% da frota de táxis do Algarve", que "é formada por 425 automóveis", números que deixaram a organização "muito satisfeita com a mobilização conseguida", disse à agência Lusa Francisco José Pereira, presidente da cooperativa Rotáxis, de Faro, e um dos organizadores do protesto.

Francisco José Pereira disse que, no Algarve, o principal problema sentido pelos profissionais do táxi passa pelo número elevado de veículos de transporte de passageiros sem caracterização que ali se deslocam no verão, para trabalhar nos meses de maior afluência de turistas, retirando negócio ao setor tradicional do táxi.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE