Actualidade

Ex-presidente do Fundo Soberano de Angola vai a tribunal responder pela transferência ilícita de 500 dólares

21 | 09 | 2018   17.42H

O processo da transferência irregular de 500 milhões de dólares (428 milhões de euros) do Estado angolano para um banco britânico, ligado ao Fundo Soberano de Angola, já foi enviado a tribunal, disse hoje fonte judicial.

O processo envolve o ex-presidente do Conselho de Administração do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos, e já foi remetido para o tribunal, lembrou o vice-procurador-geral da República angolano, Mota Liz.

"Vamos aguardar os passos subsequentes. Como qualquer processo, ao entrar no tribunal, vai à apreciação do juiz. Pode-se, a pedido das partes interessadas, o Ministério Público ou a defesa, pedir instrução contraditória ou não", disse Mota Liz, em declarações à rádio publica angolana.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE