Actualidade

Chinês radicado nos EUA acusado de espionagem

26 | 09 | 2018   06.31H

Um cidadão chinês radicado em Chicago, nos Estados Unidos, foi detido na terça-feira, por suspeitas de espionagem, incluindo apoiar no recrutamento de engenheiros norte-americanos, contratados da Defesa e cientistas, para os serviços secretos chineses.

Ji Chaoqun, de 27 anos, é acusado de atuar nos EUA, de forma consciente, como agente de um governo estrangeiro.

O suspeito trabalhava alegadamente sob ordens de altos funcionários dos serviços secretos da República Popular da China, e tinha como tarefa fornecer informação sobre oito pessoas para possível recrutamento.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE