Actualidade

Companhia de Teatro de Almada estreia clássico de Brecht com direção de Peter Kleinert

17 | 10 | 2018   15.22H

A possibilidade de ser boa pessoa, numa sociedade dominada pelo egoísmo, pela exploração e pela ganância, domina "A boa alma de Sé-Chuão", peça de Brecht, que a Companhia de Teatro de Almada (CTA) estreia na sexta-feira.

Escrita há quase 80 anos, esta peça de Bertolt Brecht (1898-1956) tem encenação do diretor alemão Peter Kleinert, naquele que é o seu segundo trabalho de encenação para a Companhia de Teatro de Almada.

"Uma peça que, apesar de ter quase 80 anos continua atual, tanto mais no momento que a Europa atravessa, com a crise de refugiados", frisou o encenador numa entrevista à agência Lusa.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE