OE2019

Ministro anuncia recrutamento de 116 trabalhadores não policiais para o SEF

08 | 11 | 2018   19.31H

O ministro da Administração Interna anunciou hoje um recrutamento excecional de 116 trabalhadores não policiais para o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras para tratarem "dos atrasos acumulados" relacionados com os imigrantes.

O recrutamento de pessoal da carreira não inspetiva para o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras foi avançado por Eduardo Cabrita na Assembleia da República durante a discussão na especialidade da proposta de Orçamento do Estado para 2019.

Em resposta à deputada do Bloco de Esquerda Sandra Cunha, o governante afirmou que "está prevista a contratação de 116 trabalhadores para recuperar aquilo que são os atrasos".

Destak/Lusa | destak@destak.pt

3 comentários

  • Na realidade são necessários mais trabalhadores no SEF para desbloquear a legalização de migrantes, porque muitos mais pretendem chegar à UE e Portugal poderá ser um ótimo ponto de entrada.
    Zé da burra o alentejano | 09.11.2018 | 03.52Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • Mais 116? Já os que por lá andam apelidados de 'policias' já são demais. Esses sim podiam ser reduzidos a metade. A PIDE com metade dos efectivos fazia mais do que eles fazem. Mas nesse tempo a Quinta tinha um Dono. Agora manda Bruxelas, Berlim e Washington.
    Dono dos Burros | 08.11.2018 | 21.20Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
  • 116 NÃO POLICIAIS OBRIGADO VÃO GANHAR MENOS QUE METADE QUE GANHA UM POLÍCIA MENOS REGALIAS E TRABALHAM MUITO MAIS ALELUIA
    Ze povinho | 08.11.2018 | 20.47Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE