Actualidade

Termo açorianidade de Vitorino Nemésio representa o "modo de ser" açoriano

19 | 11 | 2018   09.47H

O poeta e escritor Urbano Bettencourt considera que Vitorino Nemésio, cujo 40º aniversário da morte é assinalado na terça-feira, 20 de novembro, criou, em 1932, o termo açorianidade como forma de representar o "modo de ser açoriano".

O professor da Universidade dos Açores, que fala de uma "definição aproximada", de forma "mais ou menos simbólica", patente no clássico da literatura portuguesa "Mau tempo no canal", recorda que o escritor da Praia da Vitória, na ilha Terceira, abordou esta temática em dois textos publicados no jornal Diário de Notícias e na Imprensa de Ponta Delgada.

Para o estudioso de Nemésio, toda a obra literária do autor do programa de televisão "Se bem me lembro" é uma "afirmação desse modo de ser açoriano" em espaço insular.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE