Actualidade

Ministério Público investiga três obras em curso na escarpa da Arrábida do Porto

20 | 11 | 2018   13.43H

O Ministério Público (MP) está a investigar três construções a jusante da ponte da Arrábida, Porto, duas junto à marginal do rio Douro, e a uma no topo da escarpa, revelou à Lusa a Procuradoria-Geral da República (PGR).

De acordo com fonte oficial da PGR, para além da obra da empresa Arcada, em averiguações judiciais pelo menos desde abril, existem também "investigações dirigidas pelo MP do Departamento de Investigação e Ação Penal do Porto" relativamente à empreitada no topo da escarpa, da Imolimit, e à construção na base da Arrábida, mais perto da Foz, inicialmente a cargo da Portomoz e agora nas mãos da Efimóveis.

Questionada pela Lusa sobre estes dois últimos empreendimentos, a PGR disse que se "confirma a existência de investigações dirigidas pelo MP do DIAP do Porto", acrescentando que as mesmas se encontram "em segredo de justiça e não têm arguidos constituídos".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE