Portugal/Angola

Ainda há um contencioso colonial por resolver - economista Alves da Rocha

21 | 11 | 2018   08.16H

O diretor do Centro de Estudos e Investigação Científica da Universidade Católica de Luanda considerou hoje em entrevista à Lusa que "ainda há um contencioso colonial por resolver entre Portugal e Angola", recomendando "mais humildade" aos portugueses.

"Ainda há um contencioso colonial por resolver, e é por isso que por vezes acontecem crises nas relaçãoes económicas, políticas e diplomáticas entre os dois países", disse Manuel Alves da Rocha.

Em entrevista à Lusa a propósito da visita de João Lourenço a Portugal, no final desta semana, Alves da Rocha disse que "a necessidade de uma visita de um Presidente angolano a Portugal já se fazia sentir", mas lembra que da última visita de um chefe de Estado angolano "não se retiraram vantagens nem uma rota de sustentabilidade" nas relações entre os dois países.

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • ahahahahahah Boa! E quanto é que ainda devemos? Juntando 'científica' e 'católica' só podia dar bosta mesmo. Deve ter razão. Nós ainda não acertamos as contas com os castelhanos nem com os árabes.
    Dono dos Burros | 21.11.2018 | 10.53Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE