Actualidade

Estreia de "Memorial" de Pinho Vargas nos 20 anos da entrega do Nobel a Saramago

07 | 12 | 2018   15.05H

A composição de António Pinho Vargas "Memorial", assinala, no próximo dia 15, no grande auditório da Culturgest, em Lisboa, os 20 anos da entrega do Prémio Nobel da Literatura a José Saramago.

Baseada nas obras "Ensaio sobre a cegueira", "Ensaio sobre a lucidez" e "As intermitências da morte", a nova obra para orquestra do compositor de "Seis retratos da dor" será interpretada pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, sob a direção de Jonas Alber, num concerto intitulado "Saramago, Nobel 1998: Memorial".

"A minha admiração por José Saramago não tem limites. Na estranha tristeza que me atingiu quando soube da sua morte, veio-me à mente que 'vivi no tempo de Saramago'. Ou seja, para mim, ele não era apenas ele. Era mais do que ele. Era um tempo", escreveu António Pinho Vargas, poucos dias depois do desaparecimento do escritor, num depoimento ao jornal Público, agora recuperado pelo centro de Investigação e Informação da Música Portuguesa (mic.pt), que edita a sua obra.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE