Actualidade

Acusado de homicídio de Maëlys de Araújo suspeito de mais um abuso sexual

07 | 12 | 2018   16.15H

O principal suspeito da morte da jovem lusodescendente Maëlys de Araújo foi hoje constituído arguido num novo processo de abuso sexual de uma menor, no seguimento de um interrogatório feito esta manhã pelos juízes de Grenoble, disse a procuradoria à AFP.

Nordahl Lelandais, segundo várias fontes, é suspeito de abusos sexuais sobre uma prima de 4 anos, a quarta vítima depois da morte de Maëlys de Araujo, do homicídio do militar Arthur Noyer e da violação de uma outra prima criança.

O antigo treinador de cães do exército, de 35 anos, está detido na prisão de Saint-Quentin-Fallavier desde 10 de julho, depois de ter passado cinco meses numa unidade psiquiátrica, após a confissão do assassínio, em fevereiro.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE