Actualidade

Governo da Guiné-Bissau condena polícia por impedir entrada de técnicos nigerianos no GTAPE

07 | 12 | 2018   16.23H

O Governo guineense condenou hoje a atitude das forças de segurança do país, que impediram três técnicos nigerianos de entrar no Gabinete Técnico de Apoio ao Processo Eleitoral (GTAPE), e vai abrir um inquérito à atuação da polícia.

Num comunicado divulgado à imprensa, o Governo "condena firmemente a atitude das forças de segurança que impediram a entrada de técnicos da Nigéria".

O Governo esclareceu que os técnicos se encontram no país "por solicitação de sua excelência o Presidente da República com o propósito de participarem na configuração e parametrização do servidor doado pelo Governo de Timor-Leste para a consolidação dos dados do recenseamento eleitoral e consequente viabilização e produção dos cadernos eleitorais, conferindo assim maior fiabilidade ao processo de registo de eleitores".

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE