Actualidade

Polícia belga 'responde' com gás lacrimogéneo a manifestantes da "Marcha contra Marraquexe"

16 | 12 | 2018   13.42H

Milhares de participantes na "Marcha contra Marraquexe", organizada por movimentos de extrema-direita, 'atacaram' hoje a sede da Comissão Europeia em Bruxelas, sendo dispersados com gás lacrimogéneo pela polícia.

Os manifestantes, com o beneplácito da polícia, completamente invisível na área, desrespeitaram a autorização para uma manifestação 'estática' na rotunda de Schuman e desceram a Rue de la Loi até à sede da Comissão Europeia, atirando petardos contra aquela, e destruindo o que puderam à sua passagem.

Meia hora depois do início dos distúrbios, a polícia belga interveio com um canhão de água e, posteriormente, com gás lacrimogéneo para dispersar os mais de cinco milhares de participantes na marcha contra o Pacto Global para a Migração, adotado na segunda-feira na cidade marroquina de Marraquexe.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE