PUBLICIDADE
Actualidade

Função pública só deverá receber aumentos depois de janeiro - sindicatos

07 | 01 | 2019   16.23H

Os funcionários públicos com remunerações inferiores a 635 euros não deverão receber em janeiro os aumentos salariais previstos, mas mais tarde, com retroativos, pois o diploma está em negociação e ainda há "muitas dúvidas", afirmaram hoje dirigentes sindicais.

Em causa está a proposta do Governo para atualizar a base remuneratória da função pública, que passará de 580 euros em 2018 para 635,07 euros em 2019, montante correspondente ao quarto nível da Tabela Remuneratória Única (TRU). A medida, segundo o Governo, deverá chegar a cerca de 70 mil trabalhadores, dos mais de 600 mil existentes.

"O prazo é muito apertado e há salários que começam a ser processados entre os dias 07 e 10, pelo que muitos trabalhadores não vão receber o diferencial em janeiro", disse à Lusa o dirigente da Federação de Sindicatos da Administração Pública (FESAP), José Abraão.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE