PUBLICIDADE
Eleições/RDCongo

União Africana cancela missão a Kinshasa após vitória de Tshisekedi

20 | 01 | 2019   17.15H

A União Africana cancelou hoje a sua missão à República Democrática do Congo (RDCongo), que estava agendada para segunda-feira, após o Tribunal Constitucional congolês ter anunciado a vitória de Felix Tshisekedi na eleição presidencial de 30 de dezembro.

A decisão foi confirmada por uma fonte da União Africana, que indicou que a organização pan-africana tomou esta decisão na sequência do Tribunal Constitucional ter decretado Félix Tshisekedi Presidente do país, após rejeitar todos os recursos interpostos contra os resultados provisórios das eleições.

Segundo a agência Associated Press, ao rejeitar os recursos, o Tribunal Constitucional ratificou a vitória de Félix Tshisekedi, que obteve cerca de 38,57% dos votos contra 34,86% do candidato do principal partido da oposição, Martin Fayulu, de acordo com os dados provisórios divulgados pelo Comité Eleitoral do país em 10 de janeiro.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE