PUBLICIDADE
Actualidade

Jogador lusodescendente da seleção nacional do Luxemburgo detido preventivamente

24 | 01 | 2019   09.59H

Daniel da Mota, jogador lusodescendente que integra a seleção nacional luxemburguesa, está em prisão preventiva, por suspeitas de exploração fraudulenta de pessoa em situação de vulnerabilidade (abuso de fraqueza), segundo a procuradoria do Luxemburgo.

A informação foi avançada na quarta-feira pelo jornal luxemburguês Tageblatt e confirmada à Lusa pela Procuradoria do Luxemburgo.

"Ele foi ouvido pelo juiz de instrução e constituído arguido no dia 16 de janeiro", tendo o juiz determinado a prisão preventiva nesse mesmo dia, disse à Lusa o porta-voz da Procuradoria, Henri Eippers.

Destak/Lusa | destak@destak.pt
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE