PUBLICIDADE
Greve/Enfermeiros

Paralisação adia 57% das cirurgias previstas em dois dias

04 | 02 | 2019   20.49H

(CORREÇÃO) Lisboa, 04 jan (Lusa) - A greve dos enfermeiros, que decorre nos blocos operatórios de hospitais públicos desde 31 de janeiro, levou ao adiamento nos dois primeiros dias de 645 cirurgias, 57% das 1.133 previstas, anunciou hoje o Ministério da Saúde em comunicado. (CORRIGE O NÚMERO DE CIRURGIAS ADIADAS, QUE FOI DE 645 E NÃO 650)

O Ministério vai divulgar semanalmente o número de cirurgias adiadas face às que estavam previstas por cada um dos sete centros hospitalares atingidos pela greve até 28 de fevereiro, data em que termina a paralisação,

ARA // HB

Destak/Lusa | destak@destak.pt

1 comentário

  • Paguem. Querem escravos? Então ponham os imigrantes que recebem de braços abertos a quem pagam para não trabalharem e que aqui aparecem carregados de filhos que hão-de ser terroristas em breve.
    Dono dos Burros | 05.02.2019 | 01.07Hdenunciar comentário
    Tem a certeza que pretende denunciar este comentário? sim não
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE